Olá, garotas. ♥

Hoje vamos falar sobre o chorinho dos bebês.

E olha que eles choram bastante viu. 😉 Um recém nascido pode chorar até duas horas por dia, sem nenhum motivo aparente. O que já é um motivo grande para você querer chorar junto com ele.

Nós sabemos que corta o coração de qualquer mamãe ver o seu filhote chorando, principalmente nos primeiros meses.

Mas não se preocupe. É NORMAL que ele chore tanto assim, afinal de contas é a única maneira que seu bebê encontra de se comunicar com o mundo.

 – Tadiiinho dele!!!

 

Então, controle o seu coração e vamos pensar nas necessidades do seu filho. Do que ele está reclamando?

 

São várias as hipóteses, então comece eliminando uma por uma.

 

O principal motivo é fome. Então, se o seu baby começar a reclamar é porque deve ser hora da mamada. O estômago do seu filhote ainda é pequeno e precisa ser abastecido várias vezes por dia lembra?

 

Se ele recusar o peito ou continuar chorando mesmo assim veja se é preciso trocar a fraldinha dele. Alguns bebês se incomodam mais ou menos com isso, mas sempre é bom verificar, principalmente se estiver irritando a pelezinha dele. 😉

 

Se o seu bebê começar a chorar logo depois de mamar, pode ser que ele esteja com dorzinha de barriga. Nesse caso faça massagens na barriguinha dele ou coloque bolsas de água quente na região que deve amenizar o desconforto.

 

O próximo passo é verificar se é o sono que está incomodando seu filhote. Por mais cansados que estejam, os pequenos precisem de uma ajudinha para pegar no sono. Então, se você notar os primeiros sinais de soninho dele coloque seu baby para dormir. Feche bem as cortinas do cantinho dele e deixe a caminha bem confortável para seu filhote que a reclamação com certeza vai parar. 😉

 

Às vezes o bebê começa um chorinho insistente bem no finalzinho da tarde sem nenhum motivo aparente. Pode ser então excesso de estímulo. Imagine a quantidade de informação que seu filhote aprendeu durante o dia, isso pode assustar muitas crianças. Nesse caso leve ele para um lugar mais calminho e confortável.

 

Mas lembre-se, os bebês reagem de forma diferente às sensações do dia a dia. Alguns não se sentem muito bem em ambientes silenciosos e querem ficar no meio das pessoas, outros preferem mesmo lugares mais calminhos.

 

Se nada disso adiantar pergunte ao pediatra do seu filhote qual a melhor forma de resolver o chorinho dele.

 

O importante é tentar descobrir o que está incomodando seu bebê e tentar ajudá-lo a diminuir o desconforto. Sempre com paciência e tranquilidade, afinal de contas não vai ajudar muita coisa você começar a chorar assim que seu bebê começar a reclamar. 😉

 – Eu não sei onde dói mamãe.

 

Fiquem conosco e aproveitem as dicas do nosso cantinho.

 

Bjokas ♥

Anúncios